Rei da Umbanda morre no Rio

45
Imagem: Isto É

O pai de santo Jair de Ogum morreu aos 76 anos no Hospital Casa São Bernardo, no Rio de Janeiro. Considerado o Rei da Umbanda no Brasil, ele ficou conhecido por atender famosos e por ter participado durante 12 anos da programação da Rádio Globo. Em 1995, ele foi recordista de cartas enviadas à emissora de rádio. As informações são do jornal O Globo.

O babalorixá (sacerdotes com vasto conhecimento da umbanda e do candomblé, das raízes africanas e da ancestralidade) teve insuficiência pulmonar. Filho de Ogum e Oxum, o pai de santo é um dos mais reconhecidos babalorixás do país.

Em abril de 1977, fundou em Itaguaí o templo e a Associação Beneficente Ilê da Oxum Apará, instituição espírita de caridade e utilidade pública. Por sua obra no local, Jair recebeu várias honrarias de instituições públicas e religiosas.

Jornalista, radialista, escritor, apresentador e palestrante, Jair de Ogum também publicou vários livros, foi colunista, trabalho no Ministério de Educação e Cultura (MEC), na Fundação Leão 13 e fundou também a Casa de Cultura Santa Cândida.

Ainda conforme O Globo, Jair de Ogum deixa seis filhos biológicos, Jane Valeria, Clebio, Uiara, Leonardo, Clara Musa e Gabriela, além de netos, irmãos, sobrinhos e filhos de axé.

Fonte: Isto é


Assine nossa Newsletter


Receba toda semana as últimas notícias do Umbanda 24 Horas em seu e-mail