Passe em roupas? Como assim?

Ocorre que as fibras dos tecidos que compõem vosso vestuário ficam carregadas do magnetismo peculiar dos que a usam. E, assim como vossas digitais ficam impressas no papel quando manchais os dedos de tinta, igualmente o magnetismo pessoal impregna os objetos quando há o direcionamento pela vontade educada, e também se fixam vibratoriamente nos objetos as “coordenadas físicas” dos que utilizam regularmente crucifixos, pingentes e correntes de diversos tipos de metais. Os fundamentos são idênticos aos da fluidificação da água nos centros espíritas, que tecnicamente podeis denominar de magnetização.Na Umbanda, esses vestuários servem de verdadeiras “coordenadas vibratórias”, através do magnetismo individual de cada um, para a movimentação espiritual dos socorristas até os locais em que se encontram os enfermos, como se fosse precisa posição de um ponto no espaço. Logo, não considereis um exagero de fetichismo, mas algo com fundamento no vasto campo de magnetismo.

– do livro VOZES DE ARUANDA

Deixe uma resposta