O uso do Adjá na Umbanda

Na Umbanda o adjá é utilizado em vários momentos, no desenvolvimento mediúnico, quando se prepara o amaci, na oferenda para os Orixás. Só pode ser usado pelo Dirigente Espiritual ou por alguém de extrema confiança do Dirigente.

Campainha desbloqueadora de campos mentais, ao ser tocado saem faíscas e raios, é propagador de energias e pode ser usado para abençoar os filhos, fazer a limpeza das energias do Congá.

Geralmente o adjá é feito em 3 tipos de material: Latão, Aço e Cobre.

No Desenvolvimento Mediúnico quando tocado próximo ao médium que está se desenvolvendo faz com que o Orixá ou Guia Espiritual se aproxime mais da incorporação, fazendo com que o médium adormeça o mental, deixando todos os pensamentos de lado e se conectando com o Astral Superior, também é utilizado para decantar energias nocivas ao médium.

No Amaci e nas Oferendas serve para concentrar a energias dos Orixás.

Pode ter de 1,3,5 ou 7 campainhas e é Consagrado ao Orixá de Cabeça do Dirigente Espiritual,quem determina quantas sinetas são os Guias Chefe do Terreiro.

Adjá para cada Orixá:

Pai Oxalá – Prata
Mãe Oiá – Logunan -Prata.
Mãe Oxum – Cobre.`
Pai Oxumarê – Cobre
Pai Oxóssi – Latão(amarelo)
Mãe Obá – Branco.
Pai Xangô – Cobre.
Mãe Yansã – Latão(dourado)
Pai Ogum – Prata
Mãe Egunitá – Cobre
Pai Obaluaiê – Prata
Mãe Nanã Buruquê – Prata.
Mãe Yemanjá – Prata.
Pai Omulú – Prata

Texto: Davi P. Bucheb.

 

O adjá é um instrumento folclórico afro-brasileiro, idiofone, espécie de campainha de metal, simples ou dupla, também conhecido por campa ou sineta.

Usado no candomblé da Bahia e, com o nome de xere, no xangô de Pernambuco, tem a função de invocar os orixás, chamar os crentes para o ritual de “dar comida” ao santo, ou para reverenciá-lo, além de acompanhar as danças e os toques de atabaque; o mesmo que já.

Ainda nos candomblés da Bahia, designa um instrumento formado por duas campas, com seixos ou sementes no interior, ligadas por um cabo de metal; o mesmo que maracá.

Fonte: Enciclopédia da Música Brasileira – Art Editora.


Gostou do artigo? Então não se esqueça de compartilhar com os seus amigos! Obrigado!




Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.