O que acontece na Hora Grande da Meia-Noite?

A hora grande – zero hora ou meia-noite – é um horário de transição, em que é feita a troca da regência de um dia para o outro, assim como é o momento de ápice da noite ou maior afastamento da luz solar. Energias deletérias definham – são negativadas – e entregues nos pontos de decantação da natureza até a virada do dia. Se é para “crescer” e potencializar, certos tipos de magnetismo, como o lunar incidindo sobre o aquático e o eólico, são proveitosos após a meia-noite, e os trabalhos astrais de positivação energéticas se realizam após a virada (novo dia), pois o dia começou a nascer, a noite a morrer e o Sol se aproxima novamente, não mais se afasta.
É de bom costume magístico que encerremos as giras de caridade antes da meia-noite. Exu é o que mais atua na hora grande – antes, durante e logo depois da meia-noite –, para entrarmos já no novo dia, com as energias renovadas, transportadas e comunicadas a cada entidade zeladora dos pontos de força astral dos Orixás. Então, certas cerimônias e rituais devem respeitar as horas do dia ou da noite e o magnetismo peculiar a cada ciclo de 12 horas, dependendo da finalidade que se propõe e afinidade do fluido a ser manejado.
Compartilhamos alguns fundamentos de manejo energéticos, descargas e decantações, que todo dirigente e médium magista deve saber, assim como proceder; entrar e sair de certos campos magnéticos com o devido escudo de proteção e cobertura astral, garantindo-lhe harmonia psíquica e sanidade mental e espiritual.
UMBANDA TEM FUNDAMENTO, mas tem que estudar e praticar para aprender e saber preparar.

LAROYÊ!

– do livro A UMBANDA É DE TODOS – MANUAL DO CHEFE DE TERREIRO
http://livrariadotriangulo.com/


Gostou do artigo? Então não se esqueça de compartilhar com os seus amigos! Obrigado!






Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.