Efeito da Lua nas plantas e ervas

Os vegetais são diretamente influenciados pela natureza. A lua e o sol são os astros que muito influenciam a absorção do Prana e devemos conhecer estas influências.

Dentre as quatro fases lunares, que tem duração de sete dias cada, temos duas fases que chamamos de quinzena positiva, propícia para a colheita de ervas para rituais diversos na Umbanda (banhos, defumações, etc.) e nas outras duas temos a quinzena negativa, pois a concentração de éter, nas folhas, frutos e flores, é muito baixa.

Os vegetais são de maneira geral, condensadores das energias solares e cósmicas. Há ervas que recebem influxos mais diretos de certos planetas ou luminares, sendo, portanto, ervas particulares desses planetas. Os corpos celestes são a concretização de certas Linhas de Forças de um determinado Orixá, assim, por extensão, temos ervas de determinado Orixá.

LUA

Lua Nova:

Esta fase lunar caracteriza-se pela “ausência” da lua. É a primeira fase da quinzena positiva, pois o éter vital concentra-se na parte superior do vegetal, isto é, nas folhas, frutos, flores e caules superiores. Assim, é uma das fases propícias para a colheita de elementos vegetais.

Lua Crescente:

É a fase complementar, ou segunda fase da quinzena positiva. O éter vital, ou corrente Prânica, ainda está nas folhas, flores e frutos. Está se dirigindo das extremidades das plantas para o seu centro.

Lua Cheia:

É a fase que está na quinzena negativa, não sendo o melhor ciclo para a colheita de ervas, para efeitos ritualísticos, pois o Prana ou éter vital está no caule principal e dirige-se às raízes, para completar o ciclo.

Lua Minguante:

Nesta fase lunar, o Prana concentra-se na raiz, vitalizando-a, permitindo que ela extraia os nutrientes necessários do solo.

Não é uma fase propícia para a colheita de ervas, pois está na quinzena negativa.

COLETA:

Se for possível coletar pessoalmente as ervas, o melhor horário será logo ao amanhecer.

Pede-se licença ao Orixá Ossãe e Oxossi, pois esses são, respectivamente, os Orixás das

plantas e ervas medicinais e ritualísticas e o Senhor das matas e florestas em geral.

É importante, que no instante em que forem retirar as ervas, mentalizem e peçam para que,

na finalidade desejada, possam usufruir todas as energias, que estão contidas nestes vegetais.


Gostou do artigo? Então não se esqueça de compartilhar com os seus amigos! Obrigado!






2 respostas para “Efeito da Lua nas plantas e ervas”

  1. Estou adorando as postagens de vcs,sempre leio e compartilho,pq são de fácil entendimento.
    Um ótimo aprendizado todos os dias,gostaria muito de salvar os textos,para que seja meu livro de cabeceira

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.