Como consagrar um cachimbo para uso ritual

Por Ed Pelizzari
1. Você precisa primeiro de um cachimbo só para uso ritual. Compre um indígena ou feito de jurema ou angico (são vendidos em lojas de artigos de Umbanda ou lojas de artesanato indígena).

2. Lave o cachimbo com marafo.

3. Numa Lua Cheia enterre-o na terra, de preferência ao pé de uma árvore.
Desenterre-o na Lua Cheia seguinte. O lugar precisa ser seco e tomar Sol.

4. Defume o cachimbo com ervas aromáticas (guiné, alecrim, alfazema).

5. Limpe-o com um pano embebido em marafo.

6. Ofereça o cachimbo a seu espírito protetor ou entidade de trabalho.

7. Coloque o cachimbo num altar pessoal ou numa mesa (se não tiver altar). Acenda uma vela branca ao lado de um copo com água mineral. Invoque a Mãe Terra (Cunhã, Cy-Ibi). Peça força para seu cachimbo.

8. Depois que a vela queimar, batize o cachimbo com a água do copo. Seque. Dê um nome mágico para ele e não diga o nome para ninguém!

9. Ponha um fumo forte e escuro no cachimbo. Acenda e bafore a fumaça nele todo.

10. Ninguém pode tocar em seu cachimbo. Só você.

Receita da tradição Centro Candeia da Anunciação (Linha do Jurá).

Deixe uma resposta